Com a lista de materiais, que serão utilizados em uma determinada cirurgia, nós da LOG10 selecionamos, separamos e conferimos todos os kits de produtos necessários para atender demanda.

Separação e Expedição

Para uma cirurgia de ortopedia, são enviados ao hospital kits com todos os tamanhos disponíveis de placas, parafusos, entre outros, para que, no momento da cirurgia, o médico decida, observando o caso do paciente, qual o tamanho, quantidade e tipo de material utilizar;

Na sequência separamos as caixas de instrumentais e demais equipamentos necessários àquela cirurgia, exemplo manômetro, guia de broca, perfurador, entre outros, que serão também encaminhadas ao hospital.

Transporte

Para o transporte dos materiais, bem como das caixas de instrumentais e demais equipamentos aos hospitais, são necessários veículos especialmente preparados para esse tipo de transporte, vale dizer, carro com isolamento térmico, máquina de refrigeração, monitoramento de temperatura em tempo real, e, datalogger. Não podemos nos esquecer ainda que esses veículos, são vistoriados e liberados por parte da vigilância sanitária do município. Ou seja, não é qualquer veículo que pode realizar o transporte dos produtos para área da saúde.

Entrega

Para a realização da entrega dos materiais, bem como das caixas de instrumentais e demais equipamentos nos hospitais, nosso colaborador se desloca até o CME, OPME e ENGENHARIA CLINICA do hospital em questão, onde é feita a conferencia dos Kits, das caixas de instrumentais e demais equipamentos juntamente com um funcionário do hospital, pegando um (vale – instrumentais) do que foi deixado.

Destacamos ainda que nossos colaboradores recebem treinamento específico para lidar com esses materiais.

Logística Reversa

Posteriormente a realização da cirurgia, todos os produtos do kit que não foram utilizados pelo médico, são retirados do hospital e levados de volta ao nosso cliente, ou a quem esse indicar, juntamente com as caixas de instrumental, devidamente limpas e organizadas, além dos equipamentos. Esse processo é conhecido como logística reversa e é inteiramente executado por nós da LOG 10;

No retorno destes produtos, fazemos a conferência novamente com um funcionário do hospital através do (vale – instrumentais), batendo todos os gastos, sobre a quantidade e os tipos de materiais utilizados em cirurgia e os que não foram utilizados. Afim de assegurar que não há qualquer erro, resultando em diminuição de perda e extravio de materiais. A partir então, retornar o produto para o seu estoque, montando um novo kit que será disponibilizado para outra cirurgia.

Fique por dentro da Log10

Conheça mais os nossos serviços prestados

(11) 3083-1031